Prefeitura de Cáceres construirá a maior usina de energia solar

A prefeitura municipal de Cáceres dará início a construção da usina de energia solar fotovoltaica. A obra que foi licitada em outubro do ano passado está orçada em R$ 10 milhões.

Conforme o prefeito de Cáceres, Francis Maris, o sistema é inédito e será a maior usina fotovoltaicas do Brasil. Ele ressaltou ainda que a economia esperada é de mais R$ 500 mil por mês aos cofres públicos. “A nossa expectativa é viabilizar o retorno do investimento em dois anos, quando a economia poderá chegar a R$ 12 milhões” contabiliza o prefeito.

A prefeitura gasta cerca de R$ 250 mil por mês com o consumo de energia elétrica. Com as placas solares, o custo vai diminuir de forma significativa, refletindo direto no orçamento municipal. “Cáceres dá exemplo de gestão pública, e ambientalmente correto. Estaremos reduzindo a energia poluente, usando uma fonte de energia limpa e renovável, visando a preservação do nosso meio ambiente”, argumentou o prefeito.

Serão instaladas seis mil placas, correspondente a 20 mil metros quadrados em espaço que também se transformará em estacionamento coberto para ônibus escolares, carros e oficina no pátio da prefeitura.

Considerando a vida de útil das placas em até 30 anos, Francis informa que a prefeitura terá uma economia de R$ 6 milhões por ano. Durante 30 anos, a economia gerada será de R$ 180 milhões para os cofres da prefeitura.  Todas as  placas são de empresa nacional.

O contrato para a aquisição de placas solares, foi assinado entre o prefeito e o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Duarte Guimarães, em agosto do passado.

A prefeitura de Cáceres, deverá fazer a instalação de ar condicionados nas escolas municipais com a parte elétrica reformada. Com a instalação das placas, o consumo de energia também terá uma economia significativa.

Através da irradiação solar, as placas geram uma redução no custo de energia elétrica de até 90%. Os painéis responsáveis por converter a luz são geradores de energia eletromagnética. O posicionamento das placas é ideal para aproveitar a fonte renovável do sol abundante o ano inteiro.

Outra grande meta da prefeitura é a conclusão do projeto de Saneamento Básico para a cidade, visando a melhoria da qualidade de vida dos cacerenses. “Vamos torcer para que o Conselho Monetário Nacional aprove o financiamento para saneamento em Cáceres”, assinalou o prefeito.

You may also like

Deixe o seu comentário