Cobrança da tarifa social de serviços de água e esgoto é suspensa em Cuiabá durante pandemia do Covid-19

A Iguá Saneamento, controladora da Águas Cuiabá, suspendeu, por um prazo inicial de 60 dias, a cobrança da tarifa social dos serviços de água e esgoto de todas as cidades em que opera. A medida beneficia até quatro mil famílias de baixa renda inscritas no programa em cinco estados.

Segundo a empresa, a medida foi tomada para ajudar na prevenção do coronavírus no país.

Em Cuiabá, 1,2 mil famílias serão contempladas pela medida, beneficiando aproximadamente 4 mil pessoas. Para os demais clientes, a cobrança e o vencimento permanecem inalterados.

A isenção da tarifa social passou a vigorar no dia 1º de abril e será oferecida apenas aos clientes já inscritos do programa até a data.

Quem se enquadra nessa categoria não precisará pagar as faturas emitidas em abril e maio, desde que o consumo de água não seja superior a 10 metros cúbicos por mês.

Clientes contemplados pela medida e que ultrapassarem o consumo de 10 metros cúbicos (dez mil litros) deverão pagar o excedente.

Caso o cliente já tenha efetuado o pagamento da conta que vence em abril, ficará com crédito na concessionária para quitar faturas com vencimento a partir de junho.

Além da isenção da tarifa social e da suspensão do corte de água, esta última solicitada pela Prefeitura de Cuiabá, a Iguá e suas concessionárias têm atuado de forma ativa no combate à Covid-19.

Em Mato Grosso, por exemplo, a companhia vem realizando doações de hipoclorito de sódio (água sanitária) para auxiliar instituições públicas em ações de descontaminação. Em São Paulo, tem auxiliado a desinfecção de ruas.

Quem tiver dúvidas sobre os novos procedimentos ou com cadastro desatualizado deve procurar atendimento pelo 0800 646 6115.

G1-MT

You may also like

Deixe o seu comentário