Operação da PF apura fraude no recebimento de auxílio emergencial em Mato Grosso

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quinta-feira (4), a Operação ‘Quarta Parcela’ para combater fraudes no recebimento do auxílio emergencial disponibilizado pelo Governo Federal durante o período da pandemia do novo coronavírus. Ao todo, a Justiça expediu 28 mandados judiciais, sendo que três deles foram cumpridos em Cuiabá-MT.

As demais ordens estão sendo cumpridas nos Estados de São Paulo, Amazonas, Maranhão, Bahia, Paraná, Rondônia e Goiás. Ao todo, 97 agentes da PF participam dos trabalhos.

Além dos mandados de busca e apreensão, também foi determinado o sequestro de sete bens dos envolvidos no esquema, resultando em um bloqueio de cerca de R$ 170 mil.

Segundo as investigações, a organização criminosa estaria provocando prejuízos aos programas de concessão de benefícios governamentais, afetando os cidadãos mais carentes.

A ação é resultado de investigação conjunta da PF, Ministério Público Federal (MPF), Ministério da Cidadania, Caixa Econômica Federal (CEF), Receita Federal, Controladoria-Geral da União (CGU) e Tribunal de Contas da União (TCU).

You may also like

Deixe o seu comentário